(11) 2892-5437 / (11) 93015-9975 / (11) 95029-4944          contato@mallmannengenharia.com

O avanço tecnológico e o desenvolvimento têm motivado mudanças cada vez mais profundas no estilo de vida das pessoas, sobretudo, as mais jovens. Entre as várias transformações, uma delas se refere ao novo perfil de compradores no mercado imobiliário, fator que reflete estas mudanças e tem feito com que os projetos arquitetônicos atuais atendam a estes novos perfis de consumidores.

Ao longo dos últimos anos, por exemplo, além da redução no tamanho dos apartamentos, um fato relacionado ao número crescente de solteiros ou divorciados, é cada vez maior o número de animais domésticos nas novas configurações familiares que têm surgido.

Todas estas mudanças provocadas por fatores sociais, culturais e econômicos, não importa, também acabaram fazendo com que o setor da construção civil buscasse se adaptar aos novos perfis de moradores e o estímulo à construção de moradias populares tem relação direta com esta necessidade.

Se antigamente, a maioria dos empreendimentos destinados às camadas mais pobres da população se situava em regiões afastadas, terrenos precários, sem infraestrutura e acessibilidade, hoje os novos projetos implementados buscam atender esta população com toda qualidade, segurança e infraestrutura.

A busca por uma visão urbanística mais integrada, que favoreça aos moradores e crie uma visão de pertencimento, de que fazem parte de uma região e merecem viver com qualidade, fundamenta grande parte dos projetos, inclusive, aqui na Mallmann.

Para vários especialistas do setor imobiliário, o estímulo para que projetos de moradias populares sejam feitos de forma mais cuidadosa, mais adequada aos novos perfis populacionais que têm surgido, mostram que apesar dos altos e baixos da economia atual, o mercado imobiliário atravessa um período positivo, especialmente na capital paulista, pois havia uma demanda reprimida e o crescimento vegetativo continuou seguindo uma curva ascendente, ou seja, as pessoas continuaram, ao longo das últimas décadas, se casando, se divorciando, formando novas famílias, estudando, trabalhando etc.

Outro fator também lembrado é que a legislação municipal urbana da capital paulista, norteada pelo último Plano Diretor Estratégico (principal articulador de vários instrumentos que organizam o planejamento urbano municipal) apresentou um consenso que buscou posicionar as grandes concentrações habitacionais em locais nos quais havia, por exemplo, facilidade de acesso.

Todos esses aspectos contribuíram para estimular empreendimentos imobiliários que buscam oferecer aos diversos perfis de moradores, imóveis feitos de forma a oferecer mais qualidade, segurança e conforto tanto nos respectivos projetos, quanto no entorno das construções.

Leia também: https://mallmannengenharia.com/reformar-e-o-novo-normal/

Visite o nosso Instagram : https://www.instagram.com/p/CPEb55tJlM7/?utm_source=ig_web_copy_link