(11) 2892-5437 / (11) 93015-9975 / (11) 95029-4944          contato@mallmannengenharia.com

Quando se trata de fazer qualquer serviço que altere o ambiente doméstico, seja uma simples manutenção, um reparo ou uma reforma, você sabe a diferença entre cada uma destas atividades aparentemente simples?

Se sabe, que bom, isso significa que você não será enganado por nenhum profissional caso surja alguma destas necessidades em sua casa. Agora, se você não sabe, fique atento pois, neste artigo, vamos definir cada um destes serviços e, dessa forma, você estará preparado para lidar com os aspectos que envolvem cada um deles e que não passam somente pelo orçamento… Vamos lá?

  • Reforma: o serviço mais caro e impactante

Se você está pensando em reformar algum ambiente da sua casa, saiba que reformas são realmente serviços que envolvem ações mais amplas que podem abranger toda a estrutura do seu imóvel. Isso porque reformas podem alterar a planta de uma edificação quando os serviços necessários envolvem, por exemplo, aberturas de paredes, ampliação de cômodos ou modificações mais profundas como uma cozinha que será transformada em um quarto ou em escritório; um banheiro que se tornará quarto etc. São muitas as possibilidades e quanto mais necessidade de mudança houver, mais a presença de um profissional da engenharia será necessária para encaminhar os objetivos dos donos de um imóvel. Vale lembrar que uma reforma mal feita pode danificar toda a estrutura de um imóvel e justamente pela profundidade e impacto das intervenções é que uma reforma é o serviço mais caro.

  • Manutenção: uma atividade que deve ser usual

Mas se você acredita que a sua necessidade é somente uma manutenção, saiba como identificá-la. Neste caso, o próprio nome ‘manutenção’ já explica que se trata somente de um conjunto de atividades e recursos que devem ser feitos apenas para garantir a melhor qualidade/desempenho dos itens existentes em um imóvel. Neste caso, entram, por exemplo, verificações nas partes hidráulicas e elétricas; bem como na alvenaria do imóvel e etc. Inclusive, é uma atividade recomendável e usual a verificação destes aspectos em imóveis residenciais e comerciais. Nesse processo, podem ser realizadas substituições de peças desgastadas que podem provocar avarias maiores (canos velhos ou instalações elétricas muito antigas etc.) ou podem afetar a segurança dos moradores, por exemplo. Manutenções são serviços necessários para que a estrutura do imóvel ‘funcione’ de forma satisfatória e segura. Vale lembrar que também neste caso, profissionais de engenharia são os mais habilitados para fazer avaliações sobre a qualidade e segurança dos equipamentos de um imóvel.

  • Reparos: serviços simples que não devem ser ignorados

Por fim, chegamos aos reparos que podem ser considerados serviços pontuais que surgem, geralmente, a partir de imprevistos. Por isso, trata-se de ações que não exigem alterações profundas no imóvel. Um reparo pode ser, por exemplo, a troca de um cano danificado; de uma telha que foi arrancada por uma ventania mais forte; de uma torneira que não para de pingar, entre outros serviços menores e simples. Podemos dizer que os reparos são serviços simples, mas que se não forem feitos, podem se tornar serviços mais amplos como as manutenções e, por fim, as reformas.

Leia também: https://mallmannengenharia.com/reformar-e-o-novo-normal/

Visite o nosso Instagram : https://www.instagram.com/p/CPEb55tJlM7/?utm_source=ig_web_copy_link